loader image
Pesquisar
Close this search box.

Pix: Confira o alerta geral para usuários!

Cuidado! Criminosos estão usando o Pix para aplicar diversos golpes. Confira as principais fraudes através do nosso texto.

O Pix revolucionou o sistema de pagamentos no Brasil, oferecendo rapidez, praticidade, disponibilidade e economia para os usuários. Com essas vantagens, ele se tornou uma alternativa atrativa e eficiente para realizar transferências e pagamentos no cenário financeiro atual.

No entanto, a ferramenta também se tornou atrativa para criminosos, os quais têm aproveitado a facilidade e rapidez de transferir dinheiro pelo Pix para aplicar golpes e enganar as pessoas. Confira alguns golpes utilizando o Pix a partir do nosso texto:

Alerta geral para usuários do Pix

Golpe do Pix

O Pix é um sistema de pagamentos instantâneos desenvolvido pelo Banco Central do Brasil, lançado em novembro de 2020. Ele permite a transferência de dinheiro de forma rápida, segura e disponível 24 horas por dia, todos os dias da semana.

Com o Pix, é possível realizar transações financeiras de forma ágil e conveniente, trazendo uma série de vantagens para os usuários. Uma das principais vantagens do Pix é a sua rapidez.

As transferências são realizadas em segundos, possibilitando a disponibilidade imediata dos recursos na conta do destinatário. Isso elimina a necessidade de esperar pelo processamento de boletos ou compensação de transferências tradicionais.

A facilidade e praticidade do Pix também chamou a atenção de criminosos, os quais aplicam diversos tipos de golpes para enganar vítimas e roubar seu dinheiro. Atualmente, existe uma extensa gama de golpes, sendo necessário estar sempre atento no momento de realizar transações desconhecidas.

Saiba como é aplicado o golpe do robô do Pix

Os golpes envolvendo o Pix têm se popularizado cada vez mais. Recentemente, um deles tem acontecido com certa frequência. Por conta disto, o Serasa decidiu emitir um alerta aos consumidores.

O novo golpe é chamado de golpe do robô do Pix, sendo realizado em redes sociais como Instagram e Facebook. Desse modo, o navegar por essas redes sociais, o usuário acaba se deparando com promoções em que recebe um prêmio, bastando fazer o envio de uma quantia via Pix.

Nessa promoção, o criminoso promete depositar um valor 10 vezes maior do que a quantia enviada pela vítima. No entanto, o dinheiro mandado via Pix cai diretamente na conta dos golpistas que não depositam o valor prometido e não entram mais em contato com a vítima.

Além do golpe do robô do Pix, outros que também utilizam a transferência instantânea foram mencionados pelo comunicado do Serasa, como o cadastro Pix, comprovante do Pix falso e o golpe do Pix falso ou agendado.

A seguir, confira algumas dicas para evitar se tornar uma vítima do golpe do Pix:

  • Esteja atento à movimentação da sua conta bancária;
  • Desconsidere mensagens de números desconhecidos que solicitam pagamentos;
  • Desconfie de links recebidos via e-mail, WhatsApp e SMS;
  • Entre em contato com seu banco somente pelos canais oficiais.

Cuidado com os golpes

Atualmente, é necessário estar atento a todas as transações realizadas, pois os criminosos estão presentes em todos os tipos de serviços financeiros. Segundo uma pesquisa realizada pela companhia FICO, o uso do Pix por criminosos vem crescendo, visto que cerca de 22% dos brasileiros já foram vítimas de fraudes.

Ademais, 65% dos participantes da pesquisa contaram que conhecem alguém que caiu em alguma prática enganosa envolvendo a ferramenta de pagamento instantâneo. Além disso, segundo a FICO, as pessoas se tornaram mais vulneráveis aos golpes devido à falta de educação financeira, a qual deveria ser fornecida pelos bancos aos seus clientes.

De acordo com o estudo, 79% dos participantes acham que as instituições financeiras devem criar mecanismos de alerta par detectar golpes, e 62% afirmaram que gostariam de ser avisados em situações de risco.

Como se proteger dos golpes do Pix

Para se proteger dos golpes relacionados ao Pix, é importante seguir algumas medidas de segurança:

  • Esteja ciente dos tipos de golpes mais comuns envolvendo o Pix e fique atualizado sobre as estratégias utilizadas pelos golpistas. Acompanhe as informações e orientações divulgadas pelas instituições financeiras e autoridades competentes;
  • Sempre confirme a autenticidade das informações recebidas antes de realizar qualquer transação. Desconfie de mensagens suspeitas, links desconhecidos ou solicitações de dados pessoais e financeiros por meios inseguros;
  • Realize transações do Pix somente por meio de aplicativos ou sites oficiais das instituições financeiras. Evite clicar em links suspeitos ou compartilhar informações confidenciais por e-mail, mensagens de texto ou redes sociais;
  • Não compartilhe senhas, códigos de segurança ou outras informações pessoais e financeiras com terceiros, especialmente por telefone ou mensagem. Instituições financeiras nunca solicitam esses dados por esses meios.